Conforme os hábitos da sociedade se transformam, o marketing precisa se adaptar para continuar sendo relevante para o público. Hoje em dia, não faz mais tanto sentido insistir nas mesmas técnicas usadas há 15 anos: as pessoas querem marcas que geram valor para elas.

O melhor caminho para conquistar esse objetivo é criando uma boa estratégia de marketing de conteúdo. Ele consiste em publicar um material legitimamente interessante, que chame a atenção da audiência e não se apresente como um panfleto publicitário. É preciso compreender as necessidades do público para oferecer soluções práticas e objetivas.

Quer se inspirar? Veja a seguir 3 exemplos de empresas que implementaram o marketing de conteúdo com sucesso:

Red Bull: o que interessa ao público

O marketing de conteúdo não se restringe a trabalhar pautas da temática do próprio produto. A fabricante de energéticos Red Bull conseguiu implementar uma estratégia que não é exatamente sobre esse tipo de bebida e obteve ótimos resultados: apostou nos interesses do público que o consome.

A marca criou um portal de notícias focado em esportes radicais, aventura, games, cinema, entre outros. Todo esse material dialoga com um segmento específico da audiência do produto e o mantém engajado com a Red Bull, estabelecendo-a como uma referência.

Coca-Cola: foco no user-generated content

O conteúdo da sua marca não precisa ser produzido unicamente por você. Que tal colocar esse poder nas mãos do seu público para aumentar a sua visibilidade? Esse é o objetivo do user-generated content, um conceito que gira em torno de incentivar seus clientes a compartilharem fotos, vídeos ou textos utilizando seus produtos ou serviços.

Na ação Share-a-Coke, a empresa passou a fabricar refrigerantes com rótulos que traziam nomes próprios. Assim, as pessoas tinham uma identificação bem maior com o produto e faziam questão de registrar as garrafas com seus nomes. Tudo era agregado em uma página da própria Coca-Cola, com pleno destaque aos consumidores.

Whole Foods Market: educando a audiência

A rede americana de mercados Whole Foods Market implementou uma estratégia de marketing de conteúdo bastante eficiente: preferiu oferecer conteúdo informativo para o seu público focado em alimentação saudável e como construir uma dieta balanceada. Também são frequentes artigos sobre como economizar e evitar desperdício.

O Whole Foods Market possui produtos de diversos segmentos, mas optou por focar em educar seu público a respeito de assuntos que são do interesse dele. Isso gera um vínculo de confiança com essas pessoas e fortalece a imagem da marca. Além disso, o conteúdo possui alto potencial de compartilhamento, assim o nome da empresa sempre pode chegar a um público completamente inédito.

A partir desses cases você já pode perceber o quanto o marketing de conteúdo pode fazer a diferença na estratégia de uma empresa. Não importa a área de atuação ou o tamanho dela, sempre há possibilidades atraentes para serem exploradas e trazerem bons resultados. Basta realizar um bom planejamento e experimentar múltiplas abordagens até acertar.

Esse artigo ajudou você a enxergar novas possibilidades para o seu marketing? Então compartilhe o post nas suas redes sociais!

Alex Venceslau

Diretor da Bamboo, tem experiência no mercado desde 2007. Sempre está em busca das melhores soluções e estratégias digitais para colaborar com o sucesso das organizações.