Você sabe o que é ROI e como utilizá-lo no Marketing Digital? Bem, se a resposta para essa pergunta for “não”, então você está perdendo uma das mais importantes métricas para quem atua neste setor.

Além de indicar a performance de uma campanha de marketing, o ROI também pode ser utilizado para auxiliar o planejamento e o crescimento de uma empresa que saiba como usá-lo.

É uma forma prática para você entender o quanto dos esforços empregados em uma ação retornaram em forma de receita para a empresa.

Obviamente, o ROI tem suas limitações e como qualquer outro índice é apenas um número frio. O mais importante é você entender como usá-lo para tomar decisões estratégicas e em que, quando e onde deve colocar seu esforço.

Quer saber como tudo isso é possível? Então continue lendo nosso artigo!

O que é ROI e como ele se aplica ao Marketing Digital?

Como tanto outros termos, ROI também vem do inglês. É a sigla para Return on Investiment, que significa Retorno sobre Investimento em português. Ele é uma métrica muito utilizada no Marketing tradicional e também no setor de Administração e Gestão de Empresas.

No Marketing Digital, o ROI ganhou impulso para assumir uma maior relevância e popularidade pela facilidade de rastrear os dados que serão utilizados na sua fórmula.

Assim, o ROI se tornou mais preciso e eficiente quando aplicado em estratégias de Marketing Digital, permitindo que se faça um planejamento mais confiável para o departamento de Marketing e, também, para o crescimento da empresa.

Por mais clichê que isso pode ser, “o que não pode ser medido, não pode ser gerenciado” tem o seu valor.

Como calcular o ROI de ações de Marketing Digital?

Para calcular o ROI, o profissional de Marketing vai precisar reunir algumas informações específicas sobre a empresa e a ação em específico para, então, aplicá-las na fórmula da métrica.

A fórmula

Primeiro, defina o objetivo: você quer saber o retorno baseado no faturamento ou no lucro?

Aqui vamos fazer baseado no lucro, ou seja, o resultada da receita menos o custo. Porém, em custo não entrará o valor do investimento de campanha.

Isso acontece, pois ele já estará na fórmula de ROI.

A fórmula para o cálculo do ROI é a seguinte:

ROI = [(Lucro – Investimento) / Investimento] * 100

Cada elemento da fórmula é importante e precisamos explicá-los com cuidado para que o cálculo efetuado seja o correto.

O Lucro na fórmula do ROI é referente ao valor obtido de lucro por uma empresa a partir de uma ação de marketing digital. Se o faturamento total da ação for, digamos, R$ 80.000, mas a margem de lucro é de 70%, então o valor inserido na fórmula será de R$ 56.000 (o lucro)

É possível também calcular o ROI utilizando o faturamento total da ação no lugar do lucro. Porém, para que isso seja possível, deve-se somar todas as despesas do produto ou serviço que foi ofertado ao investimento da campanha.

O Investimento na fórmula do ROI é o valor que a empresa disponibiliza para a realização da ação ou campanha.

Por fim, devemos multiplicar o resultado da fórmula por 100 para poder obter o valor do ROI em porcentagem, que é o formato em que essa métrica é apresentada.

Exemplo prático

Imagine que uma empresa quer testar dois canais de comunicações diferentes. Para isso, investe R$ 5.000 no desenvolvimento de um blog corporativo e mais R$ 10.000 em uma campanha no Facebook.

O blog corporativo gerou um lucro de R$ 52.000, enquanto o Facebook se saiu com um lucro de R$ 85.000.

Quem teve o melhor ROI? Vamos descobrir!

ROI do blog corporativo

ROI = [( R$ 52.000 – R$ 5.000) / R$ 5.000] * 100;

ROI = 940%.

ROI do Facebook

ROI = [(R$ 85.000 – R$ 10.000) / R$ 10.000] * 100;

ROI = 750%.

Os dois valores foram altos, mas o blog teve um ROI superior, como foi possível constatar.

Como aplicar o ROI no seu planejamento estratégico?

Só saber o que é ROI e como calculá-lo não é o suficiente para a pessoa responsável pelo planejamento de Marketing de uma empresa. Além disso, saber como usar essa métrica na prática é essencial.

Podemos perceber isso observando o nosso exemplo anterior. Se o ROI do blog corporativo foi de 940%, podemos estabelecer uma estimativa de quanto a empresa lucraria caso investisse nele os mesmos R$ 10.000 da outra ação.

Nesse caso, ao utilizar a mesma fórmula do ROI, podemos descobrir um lucro estimado de R$ 104.000, caso o investimento no blog fosse equivalente ao da outra ação.

Com dados assim em mãos, o profissional de Marketing pode fazer planejamentos de crescimento mais eficientes, além de facilitar a tomada de decisão sobre onde investir cada centavo do orçamento.

Cuidados ao analisar o ROI

O ROI é um índice que tem algumas limitações.

  • Use sempre a mesma fórmula: isso óbvio, mas não custa nada lembrar. Nunca, use métricas diferentes para fazer uma comparação. Se você calculou seu ROI de agosto usando faturamento, repita em setembro;
  • Não analise o ROI isoladamente. Ele é um índice importante, porém, não é o único, existem outros como o custo de aquisição do cliente (CAC), lifetime value, taxa de churn etc.
  • Visão míope: muitas empresas abandonam um canal em detrimento do outro porque o ROI é melhor. É preciso tomar cuidado antes de qualquer decisão desta. Pois, é preciso entender se o canal deixado não influencia o outro. Um exemplo simples, vamos supor que um ecommerce decide deixar de investir em pesquisa paga porque a campanha de remarketing tem um ROI bem melhor. Porém, é a pesquisa paga o principal canal do site. Se não há tráfego, como o remarketing vai funcionar bem?
  • Taxa de crescimento de venda vs ROI: o ROI pode aumentar e a taxa de crescimento de vendas cair. Depois de um certo nível de investimento a efetividade dos anúncios pode diminuir devido a saturação do público-alvo.

É importante você entender que cada canal tem que ter um estratégia própria. A mídia digital funciona por camadas.

Agora que vimos o que é ROI e como utilizá-lo no seu dia a dia profissional, que tal curtir a nossa página no Facebook? Assim, você não perde nenhum dos nossos artigos!

Leandro Sousa

Com mais de 5 anos de experiência com marketing digital, é gerente de estratégias da Bamboo. Formado em Jornalismo, iniciou sua carreira como redator. Respira, diariamente, inbound marketing, mídia digital e marketing de conteúdo.