O Scup, empresa líder em monitoramento de redes sociais, liberou nessa semana a 4ª edição do estudo Horários Nobres, que analisou em que horários o Facebook, Twitter e Instagram foram mais acessados durante todo o ano de 2013.

Foram mais de 86 milhões publicações monitoradas durante todo o ano passado, o que dá uma boa ideia da importância desse estudo para que as empresas possam organizar planos de ações nas redes sociais mais relevantes, com mais engajamento e que tragam mais retorno em captação e fidelização de clientes, além de fortalecer a imagem das companhias com relação ao mercado.

Dos 35 milhões de posts analisados no Facebook, em média, a maior parte surgiu e teve mais atividades entre as 11 e 20 horas. Isso aconteceu todos os dias da semana, principalmente, às quintas-feiras. Só nesse dia da semana, foram registrados mais de 360 mil menções durante o ano de 2013, isso considerando somente o período entre 11 e 12 horas!

Quando analisado, o Twitter apresentou uma estabilidade no rítmo de atividades, partindo das 11 horas e mantendo a mesma média de publicações até a meia-noite. O principal pico de atividades do Twitter foi registrado nas terças-feiras, entre 22 e 23 horas. Foram mais de 585 mil publicações em 2013 somente nesse período. O total de publicações monitoradas no ano foi de 49 milhões.

Mais novo entre os concorrentes, o Instagram teve apenas cerca de 1,5 milhão de publicações monitoradas, mas demonstrou um maior potencial para as empresas nos fins de semana, quando os usuários costumam apresentar maior atividade. 32% das publicações da rede aconteceram aos sábados e domingos. Já em termos gerais, o Instagram apresentou o pico de atividade a partir das 17 e seguindo até as 22 horas. O sábado foi o dia mais acessado, com mais de 16% do total de publicações.

O estudo completo, com análises gerais e diárias e todos os gráficos, está disponível no site do Scup. Os motivos para o aumento das atividades não estão descritos, mas com certeza o estudo ajuda a ter uma ótima noção de como organizar as atividades nas rede sociais para os meses que virão.

Pedro Henrique Malta

Jornalista formado pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), colaborou com alguns dos principais jornais de Goiás e atuou como assessor de comunicação. Apaixonado pela indústria cultural, está sempre disposto a conhecer novas produções e utiliza as mídias sociais para a troca de informações e experiências.